Acompanhe também as nossas redes sociais

Política

Rio Verde: Marconi Perillo lidera pesquisa Grupom/Tribuna do Planalto

Publicado

em

A primeira rodada de pesquisa do jornal Tribuna do Planalto/Grupom realizada na cidade de Rio Verde mostra o governador Marconi Perillo (PSDB) na liderança no levantamento espontâneo.

De acordo com a pesquisa divulgada pelo jornal, o tucano lidera com 14,5% das intenções de voto contra 3,7% do ex-governador Iris Rezende (PMDB), segundo colocado.

A intenção de voto espontânea é aquela em que o entrevistado diz o candidato que ele pretende votar sem que lhe seja dado nenhuma lista de opções.

O empresário Vanderlan Cardoso (PSB) aparece em terceiro colocado no levantamento espontâneo com quase 2% da preferência do rio-verdense. O também empresário Júnior do Friboi tem 0,5% enquanto que 0,2% dos entrevistados disseram espontaneamente que votarão no prefeito de Anápolis Antônio Gomide (PT) nas eleições de outubro para o Palácio das Esmeraldas.

O interessante é que o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), que até há poucas semanas disputava com Gomide a possibilidade de ser pré-candidato ao governo pelo partido, aparece na frente do anapolino, com 0,7% das intenções de voto. Nos bastidores comenta-se que Paulo Garcia ainda não desistiu de ser candidato em outubro.

A grande maioria dos entrevistados, no entanto, disse que ainda não sabe em quem votar. O percentual de indecisos é de 77,7% do eleitorado da cidade. Isso mostra que o eleitor de Rio Verde ainda não está no clima eleitoral.

ESTIMULADA

Na pesquisa estimulada há um empate técnico entre Iris Rezende e Marconi Perillo. O peemedebista tem 39,2% e Marconi, 33,8%.

Segundo o jornal Tribuna do Planalto, a diferença está dentro da margem de erro que é de 4,8 pontos porcentuais para mais ou para menos -, o que configura empate técnico. Em terceiro, está Vanderlan Cardoso com 10,3%.

Neste cenário, foram apresentados ao eleitor, os nomes de Iris, Marconi e Vanderlan. Segundo o levantamento do Grupom, 8,6% dos eleitores rio-verdenses não avaliaram o cenário, enquanto que cerca de 8% dos entrevistados disseram que votarão branco ou nulo nas eleições de outubro.

A pesquisa Tribuna do Planalto/Grupom ouviu 408 rio-verdenses entre os dias 30 de janeiro e 6 de fevereiro de 2014. A margem de erro é de 4,8 pontos porcentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no TRE sob o número GO-00009/2014 no dia 11 de fevereiro.

Continue lendo

Em Goiás

Sugira uma pauta

É expressamente proibido a utilização do conteúdo aqui publicado em mídias on-line ou impressas. Diário do Interior | Todos os direitos reservados.