Acompanhe também as nossas redes sociais

Esporte

Ciclistas Iporaenses se consagram campeões do Pantanal Extremo em Mato Grosso do Sul

Publicado

em

Casagrande, Gesiel e Alex receberam os troféus em palco montado no centro de Corumbá

Confirmando os bons resultados obtidos em 2013, a equipe Iporaense de Mountain Bike conquistou três primeiros lugares gerais em um dos maiores eventos esportivos do Mato Grosso do Sul, o Pantanal Extremo – Jogos de Aventura, encerrado neste domingo (24) na cidade de Corumbá.

O pódio do evento esportivo que reuniu quase 600 atletas em seis modalidades, foi quase todo composto no mountain bike por atletas da cidade de Iporá. Gesiel Nunes atleta da categoria elite, Cleide Ferreira (Casagrande) categoria Master B e Alex Alves da categoria Open venceram e conquistaram o titulo dos Jogos de Aventura do Mato Grosso do Sul.

As disputas do mountain bike no Pantanal Extremo foram divididas em duas etapas, sábado (23) e domingo (24) e o somatório de pontos indicou o campeão geral.

Gesiel Nunes após vencer a prova de mountain bike (Foto: Hélder Rafael)
Gesiel Nunes que havia terminado a primeira etapa da prova realizada sábado na segunda colocação e precisava da vitória para sagrar-se campeão, conquistou o titulo da principal categoria da modalidade, a Elite, no sprint final. Após 63 km, Gesiel pedalou mais forte que os rivais Magno Prado de Mato Grosso do Sul e Ever Alejandro da Bolivia e nos 100 metros finais conseguiu assumir a liderança e cruzar a linha de chegada em primeiro lugar.

Cleide Ferreira (Casagrande)  e Alex Alves, venceram as duas etapas, realizadas no sábado e domingo e também conquistaram o título de campeões do Pantanal Extremo.

Mesmo em final de temporada, Iporaenses conseguiram manter a sequencia de bons resultados obtidos em 2013

Mesmo em final de temporada, Iporaenses conseguiram manter a sequencia de bons resultados obtidos em 2013

Em entrevista a emissora de TV responsável pela cobertura do evento, Gesiel avaliou as provas como bastante duras, “No sábado mesmo achei que não daria conta de terminar a prova hoje, senti muito. O circuito da Estrada Parque é muito plano, tem que andar no limite da força o tempo todo. Isso desgasta muito o atleta. Já tinha reconhecido o circuito, e por isso cuidei muito da hidratação e da alimentação”- contou Gesiel emocionado após cruzar a linha de chegada com o tempo aproximado de 1 hora e 52 minutos.

Vibrando muito, Cleide Casagrande chega em primeiro na categoria master B (Foto: Hélder Rafael)

Vibrando muito, Cleide Casagrande chega em primeiro na categoria master B (Foto: Hélder Rafael)


“A prova foi legal, o circuito teve misto de asfalto e estrada e foi bem escolhido. Estou acostumado a competir em região de serra, mas aqui é plano e tive que manter um rimo muito alto” comentou Cleide Casagrande, que se destacou no circuito e completou o percurso de 43 km em 1 hora e 11 minutos em entrevista a emissora local.

Continue lendo

Em Goiás

Sugira uma pauta

É expressamente proibido a utilização do conteúdo aqui publicado em mídias on-line ou impressas. Diário do Interior | Todos os direitos reservados.